ESTE NÃO É UM ESPAÇO PARA FAZER AMIGOS; É PARA INFLUENCIAR PESSOAS.



31 de jan de 2011


SANATÓRIO DA NOTICIA
http://www.sanatoriodanoticia.blogspot.com/


SUCESSORES - Hosni Mumiabarak vai sair embalsamado do governo do Egito. O povo ainda não decidiu quem vai entrar no lugar do Obama egípcio. Há três velhas opções: Quéops, Quéfren e Miquerinos.

A PRAGA - Mumiabark enfrenta a praga das vacas magras. Não tem volta: seu nome é Hosni, nada a ver com Zé do Egito.

TUCANO AMERICANO - A crise no Egito serviu até agora apenas para mostrar que Barak Obama é tucano. Está em cima do muro.

ROMBO - O rombo no INSS diminuiu este ano. A arrecadação foi maior do que o pagamento feito aos trabalhadores da empresa privada. O rombo diminuiu; e o roubo?...

BOA NOTÍCIA - Foi dada na TV como "boa notícia": Caiu o número de assassinatos no ano passado em São Paulo.  A "boa notícia" mesmo nunca vai ser dada: Não houve assassinatos este ano!
Chuva atrasa chegada de Dilma para encontro com Cristina Kirchner. Mas nada assim parecido com as águas da região Serrana do Rio de Janeiro.
Foto: Ag.Brasil


Dilma Rousseff chegou com uma hora de atraso no encontro com Cristina Kirchner, a presidenta de lá. As duas tricotaram por cerca de uma hora a portas fechadas. Deixaram do lado de fora os súditos de Dilma, Antonio Patriota (Relações Exteriores), Nelson Jobim (Defesa); Aloysio Mercadante (Ciência e Tecnologia); Fernando Pimentel (Desenvolvimento Indústria e Comércio Exterior); Iriny Lopes (Mulheres); Mário Negromonte (Cidades); Paulo Bernardo (Comunicações), além do interino de Minas e Energia, Márcio Zimmermann, e o assessor especial, Marco Aurélio sargento Garcia.

Depois das futricas e nhenhenéns de praxe, elas se dirigiram a uma sala da Casa Rosada, onde se encontraram com mães e avós da Praça de Maio.

A primeira-presidenta brasileira foi presenteada com uma caixa e um livro. Dilma também ganhou um lenço, mas não o colocou na cabeça. Pronto, já começou o acervo de mimos da presidenta. Até chegar a 11 caminhões, vai ter que esperar pelo menos oito anos. É pouco provável que Lula permita que isso aconteça. Não, os presentes, não; os oito anos.

RODAPÉ - No último dos seus primeiros 31 dias de governo, Dilma viajou para o exterior. Nesse mesmo período, Lula já tinha ido e voltado quatro vezes lá fora. A diferença não fica só nisso: Dilma ganhou um livro. Não deu sinais de azia.
FANATISMO - Desde que Ronaldo Fenomeno chegou ao Parque São Jorge que os corintianos superlotam os estádios, mas não torcem pelo time; torcem pelos patrocinadores. O torcedor do Timão trocou o amor ao futebol por uma louca paixão pelo marketing. Hoje, corintiano fanático não conta títulos, coleciona boné e camiseta.

ALGO MENOS - Sem ter o Neymar com quem brigar, o Dorival Junior nunca mais foi o mesmo.

FOGUEIRA DAS VAIDADES - Gilberto e Roger disputam beleza para jogar no Cruzeiro. Cuca perdoa, sabe que isso é da idade; são apenas dois velhos ranzinas. Só tem uma coisa: o Roger não é culpado de ter "cabelos loiros e olhos azuis".
MÁGOA - A torcida do São Paulo vai ao delírio toda vez que Rogério Ceni se escala para cobrar uma falta. O goleirão acha uma injustiça a galera tricolor não aplaudir quando ele bate tiro de meta.

O CONTRATO - O fundamental na contratação do Rivaldo é que ele assinou como jogador e não como presidente do São Paulo.

CABO ELEITORAL - Nem é tanto pelo amor à camiseta do Mogi Mirim, time que preside; mas é muito mais para não atrapalhar, amanhã ou depois, a candidatura de Rogério Ceni à presidência do tricolor paulista que Rivaldo assinou ainda como atleta e não como cartola.
A CARA DA MORDAÇA - O Felipão deveria fazer a mesma coisa que ele determinou para os jogadores do Palmeiras: não dizer nada da boca do túnel pra fora. Só as caretas que ele faz já dizem tudo. Pena que, pela lei da mordaça imposta aos atletas, a torcida esteja perdendo a chance de morrer de rir.

O MELHOR - Para a paz e tranquilidade de Felipão, o Valdívia continua no estaleiro. Por enquanto, nesse campeonato, o Valdívia continua sendo o melhor jogador do Palmeiras. Não errou um passe até agora.


Presidenta de Primeira Viagem

Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

Presidenta Dilma despede-se de Michel Temer, o vice-mais presidente da história desse país, antes de embarcar para Buenos Aires, Argentina. Todo emperequetado, ele esboça aquele ar de quem diz meio entristecido: - Até a volta!


ESPORTE POR ESPORTE

REVOLUÇÃO INTESTINA - Esse time de múmias do Vasco pode ser o fim da revolução intestina no Egito. Desclassificado da Taça Guanabara, deve disputar o campeonato na terra dos Faraós. Dinamite contrata o ditador como técnico vascaíno. Na quarta rodada, os egipcios derrubam Hosni Mubarak. Revolução intestina é com o Vasco, nenhum time anda mais desarranjado que ele.

INSÔNIA - Os jogadores corintianos já não dormem direito. Há rumores de que Lula vai assistir ao jogo de quarta pela Libertadores, lá na Colômbia.

TREINO É TREINO - Quando vai haver a primeira "Corrida Contra a Corrupção" em 2011? O governador de Brasília já não aguenta mais passar o tempo todo treinando.

CANAL ADULTO - Brasil Sub-20 joga hoje contra o Chile, em Arequipa. Vai em busca do sonho olímpico. Há quem duvide. Pela hora em que a TV brasileira vai transmitir a partida, os torcedores já saberão se lá em Londres é como aqui: onde há fumaça há fog.

O MASSACRE - Djokovic fatura Aberto da Austrália de novo. Sérvio massacra Andy Murray. Mais do que conquistar o primeiro Grand Slam do ano, Djokovic está feliz porque, até que enfim, um sérvio foi auotr e não vítima de um massacre.

BASQUETE - Boston bate Lakers no clássico da NBA. Quer dizer, boston mesmo é o time do Lakers.

BILHETERIA
Torcedores do Flamengo vão lotar o Engenhão nesta quarta-feira para o jogo Ronaldinho Gaúcho x Iguaçu. Mais de 20 mil bilhetes já foram vendidos. Só de ida. Depois do jogo tem pagode.

O TREM
Afora futebol, Flamengo prevê R$ 200 milhões em retorno de marketing com Ronaldinho. Então, está provado: Ronaldinho não é um bonde; é um trem pagador.

O JEITO
Pronto, Ronaldinho é o velho menino do Rio. Vai ser o Ronaldinho Cariucho. Ele tem mais jeito de carioca do que de jogador do Flamengo.

NAUFRÁGIO
Com Dinamite não há caravela que não afunde. Pelo visto a solução é Ricardo Teixeira autorizar Eurico Miranda a contratar Arthur Nuzman para as obras de transformação do túnel de São Januário em caverna. Futebol sério no Brasil é a pior viagem.

CRUZ
A cruz do Vasco não é de Malta; é o time. Cruz, credo!

FULANOS
O Santos é líder do campeonato paulista. Sem Neymar e sem Ganso. Resta saber o que será de Elano, com a volta de sicrano e beltrano.

PÉ FRIO
Em jogo que tinha Lula na tribuna com a camisa modelo pizza mista do E. C. São Berinthians, nem São Bernardo nem Corinthians tinham qualquer chance de vitória.

OPERÁRIO
Já como um dos primeiros colocado do campeonato paulista, Felipe Scolari diz que seu time é "operário". Só falta querer agora que o Lula vire a casaca.

ESTAVA LÁ
Naquele Cruzeiro 3 a 0 Caldense, a torcida viu nesse domingo que a vitória veio pela mão de Cuca. Ele não sossegou no banco. Onde a bola estava o Cuca ia.

REFORÇO DE PESO
Tite vai fazer de tudo para o Corinthians não ser eliminado da Libertadores. Nesse jogo contra o Tolima, lá na Colômbia, ele vai reforçar o ataque. Ronaldo Fenomeno fica no banco.

Agito contra Mumia

Presidente Mumiabarak não vai resistir. O Egito tá um agito!


O MESMO PÉ FRIO...
São Bernardo 2 x 2 Corinthians
Lula e dona Marisa foram ao estádio 1° de Maio vestindo a camisa do E.C. São Berinthians: metade de um e metade de outro. Uma tentativa de anular o pé-frio.
Reprodução
O Cara
Lula como torcedor é um razoável e bem remunerado presidente de honra do PT; como corinthiano é um Vicente Matheus azarado.

A Luva
Essa camisa mista caiu em Lula como um luva: parecia uma pizza.

Premonição
Com Lula de camisa mista só poderia dar no que deu: ninguém venceu.

Lá e cá
Com que distração Lula prestava atenção ao jogo. Se tivesse ficado em casa não teria visto nada da partida da mesma forma.

Reforço
Mesmo desfalcado de Ronaldo, o time reserva do Corinthians é bem melhor que o titular quando joga reforçado pelo Fenomeno.

Um ou outro
Se quiser ter mais sorte, o Corinthians agora vai ter que decidir: joga com Lula na arquibancada, ou com Tite no banco. Os dois ao mesmo tempo é peso demais.

Contas
Só nas contas de chegar é que um time sai vencedor quando, ao invés de somar três pontos, perde dois.

Por rapadura
Grêmio 2 x 1 Internacional.  Renato Gaúcho jogou de sangue doce, o Gre-Nal era de reservas.

Santos 2 x 0 São Paulo
No clássico Sansão, o Peixe fez barba e... cabelo. O colosso do Morumbi perdeu a força.

Um pintor!

O Vasco não precisa de treinador. Tem que contratar um pintor. É o único jeito daquele time ver a cor da bola.

O resto
Vasco é Vasco, o resto é o resto. Mas muito melhor.

Da revolta à revolução

Você acha que há em todo brasileiro um espírito de corpo de bombeiro para sair por aí buscando justiça com as próprias mãos? Pois está obesamente enganado. Cada revolta processada no Brasil foi sempre por indução de grupos subterrâneos que se atiravam de corpo e alma contra o poder dominante, ao desassombro da mais pura versão feminina da expressão popular "a torto e a direito".

O governo cometido no Brasil há mais de oito anos descobriu que toda convicção tem seu preço. Foi só abrir o balcão de oferta & procura.

Vendeu a alma, mas em contrapartida comprou todos os espíritos de corpo e de porco que poderiam projetar sombras pesadas em seu regime dietético de democracia.

Os negócios frutificaram de tal forma que hoje o governo não tem opositores. Numa democracia light no fluxo de seus princípios não basta ser oposição, tem que participar. E assim é que o Estado atual tem status de sócio do Congresso, dos sindicatos de amos e súditos, da UNE que faz a força, do MST que plantando tudo dá e tira, da CGT e da CUT, do código da barra dos tribunais, de ONGs excencialmente governamentais, de fundos perdidos, de institutos sem instintos, de estatais estateladas.

Desse cesto básico de ofertas de ocasião, a OAB ainda permanece incólume na gondola dessa demolidora "estratégia de coalizão pela governabilidade". Nesse jogo de compra e venda a OAB é ainda o antigo e amortecido clube de São Januário: Vasco é Vasco, o resto é o resto.

Tomara que não se deixe contaminar pela pressão da torcida que só gosta de vitórias, a qualquer custo.

Assim é que um dia você ainda vai descobrir que indignação é um sentimento individual, que nasce em cada um de nós e que, para chegar a ser revolta, precisa da indignação dos outros. Vai entender também que para uma revolta chegar a ser uma revolução, os outros - tanto quanto você - não podem ter preço; seja qual for o valor de mercado: de uma simples bolsa Kelly a uma valiosa bolsa-família.

Sair da revolta para a revolução é mais ou menos assim como trocar o Corpo de Bombeiros pelos corpos do bombeiro.

É quando a capacidade de indignação rompe todos os limites da tolerância. É quando a arte de conviver não tem mais nada a ver com a saga de viver. É quando o homem deixa de ser justo para ser justiceiro.

É porque as revoltas que viram revoluções jamais são feitas com a ternura dos espíritos desarmados.
Com Lula cobrando R$ 200 mil por palestra, quem foi o imbecil que disse que o silêncio vale ouro?!?

30 de jan de 2011

Caiu na webmedia

Mubarak indica vice, mas não freia violência. 
Mubarak manda menos no Egito, que Barak nos Estados Unidos.

TV árabe Al-Jazira é proibida no Egito.
E, por aqui, a Al Brasil é como se também fosse proibida. Continua dando traço.

Militares do Egito são peças-chave.
Para o arqueólogos, são o segredo dos faraós; continuam calados, como se fossem um túmulo.

Brasileiros relatam medo no Egito.
Mas temem também a volta.

Venda do Banco Panamericano deve ser anunciada hoje.
Equipes de Silvio Santos e do BTG devem atravessar a madrugada e boa parte do dia em reuniões
Tudo por dinheiro.

Passivo judicial da União ultrapassa R$ 390 bi e assombra gestão Dilma. Prejuízos potenciais que mais preocupam o governo são os de disputas sobre a cobrança de impostos.
Quê gestão o quê?!? Indigestão.

"Preciso desencarnar da presidência", diz Lula em viagem para evento.  Ninguém ainda sabe ainda quem está pagando a conta. 
A declaração é dele, em carne e osso.

Marinha do Brasil renovará frota sob "pressão estratégica". Escolha final deve sair até fim do ano  e a primeira fragata ficará pronta entre 2018 e 2019.
Em caso de submarinos, é pressão submersa. E até lá, já correu muita água por baixo da Copa e dos Jogos Olímpicos.

Michel Temer apresenta sua proposta para a reforma política. Ele fala sobre a disputa PMDB e PT e a diferença entre Legislativo e Executivo.
Quem diria que esse cara está no poder há mil anos. O bafo é pior que o de Mubarak, múmia do Egito. 

27 de jan de 2011

Caiu na rede

Roberto Carlos se queixa de dor na perna, mas médico minimiza.
Dito assim, parece até mentira. Roberto Carlos, com dor na perna? Sim, senhor... É o do Corinthians.

O Grande Vencedor


OSCAR
Só agora a oposição se deu conta de que "Lula - O Filho do Brasil" não foi desencarnado por Hollywood. Ele recebeu nada menos de 12 indicações para o Oscar sob o disfarce de "O Discurso do Rei".

Para tucanos, democratas e genéricos, um filme com esse título só pode ter Lula como protagonista. A oposição inclusive já tem informações de camarins, coxias e bastidores que o Cara já escolheu, no caminhão das roupas de festa, a fatiota para ir à cerimônia de entrega da estatueta.

EXATIDÃO - Com as costas quentes pelo brado de Lula a favor do glorioso encaixe-2 de Delúbio no PT, o secretário de Comunicação do partido, André Vargas, desabafou: “nenhum de nós (dirigentes) tem condição moral ou política de impedir que Delúbio Soares milite no PT”. Nunca antes nesse país ele foi tão claro, exato e conciso.
Reprodução/Div.

PRESIDENTE
Ainda que seja um título absurdo, Lula está reassumindo a presidencia de honra do PT. É que seu ego já não aguenta mais a saudade de não ser chamado de presidente. O que mais lhe dói na alma é ser apontado como ex. Deixa uma impressão meio assim como se fosse um jornal de ontem. Isso é azia.

TRISTE PÓDIO
País que terceiriza até concurso público, tem governo com cartão corporativo e organizações não-governamentais que vivem às custas do governo é imbatível como potência mundial no ranking da corrupção e como campeão da desigualdade social.
Governo admite corrigir IR, mas reafirma R$ 545 para mínimo.
Tanto faz, como tanto fez. No que eles não tocam é no fator previdenciário. O assalto ao bolso dos aposentados e pensionistas continua. O governo FHC criou essa maldição que Lula deixou de herança bendita para Dilma.

26 de jan de 2011

E daí?!?

Caiu na webmalha:

TCU aceita denúncia contra Fundação José Sarney. Orgão determinou ao Ministério da Cultura – que intermediou o patrocínio - que entregue uma análise da prestação de contas do convênio.

Grandes coisas, aconteça o que acontecer, Sarney será presidente do Senado por mais dois anos. E o jornal O Estado de S. Paulo vai continuar sob censura.

RODAPÉ - E Marco Maia vai presidir a Câmara também por dois anos, apesar de Sandro Mabel tentar abiscoitar a candidatura do gaúcho lambe-botas.




Coturno Noturno

Petista diz: ninguém no PT tem moral para impedir volta de Delúbio. Pura verdade. "Delúbio Soares era o principal interlocutor junto aos demais núcleos da quadrilha. Ele era o homem operacional do esquema, aquele que indicava quem deveria receber o repasse, qual o valor e em que momento." Sustentação oral de Antônio Fernando de Souza, Procurador Geral da República

Caiu na Rede...

Candidato do governo à presidência da Câmara evita discutir salário mínimo. Marco Maia deixou o tema fora das conversas em almoço com parlamentares em Minas Gerais.
É o mínimo que se pode esperar de um candidato governista.

Nora de senador Gim Argello pede exoneração do cargo. Ela trabalhava no gabinete do político do PTB e recebia salário de R$ 6 mil mensais.
Pronto, não se fala mais nisso. Esse assunto do Gim está um porre. A garota tinha as melhores credenciais: namora Ginzinho, o filho do dono do gabinete.

Sandro Mabel anuncia candidatura à presidência da Câmara.
A turma do gaúcho Maia garante que a rebeldia do "chorão dos biscoitos" é proque ele não quer perder a boca de relator da reforma política. Como se ela fosse sair...

Sucessão interrompe programas e obras nos Estados. Novos governadores não dão continuidade a projetos de antecessores e adversários.
E isso é novidade? Bolas, notícia é aquilo que você até agora não sabia...
Dilma já trata Kassab como aliado...
Isso pode ser bem pior do que a primeira-presidenta está pensando.  

FHC apoia abrir arquivos, "mas não vão achar nada". Se a Comissão da Verdade seria mais eficaz se criada "lá atrás".
FHC desdenha da capacidade do governo elaborar dossiês.

Nelson Jobim nega reabertura do processo de licitação dos caças Rafale.
Ele só não diz que está voando no assunto, desde quando Dilma resolveu desencarnar do governo Lula.

Começa hoje julgamento do "mensalão".
Abre-te Sésamo!
Começa na webmedia a campanha "Devolve, Lula!".
Internautas inconformados querem saber como é que 11 caminhões de presentes e objetos de reconhecido domínio público cabem dentro da Constituição. E como é que a Carta Magna da nação foi parar em São Bernardo do Campo.

25 de jan de 2011

Augusto Nunes

O silêncio das vítimas, a UNE estatizada e o pior ministro da classe

O ministro Fernando Haddad só sobreviveu ao primeiro naufrágio do Enem porque a União Nacional dos Estudantes já fora domesticada pelo governo. E só se mantém no emprego porque a UNE velha de guerra foi estatizada em 17 de dezembro de 2010, quando o Ministério da Justiça depositou R$ 30 milhões na conta bancária da entidade. A 17 dias do fim da feira, o presidente que não lê nem sabe escrever consumou a compra da UNE e deu por concluído seu mais ambicioso projeto na área da educação: reduzir a sigla a uma espécie de secretaria especial de proteção à meia-entrada.

O processo de estatização da entidade começou pelo espetacular aumento da mesada federal. Ao longo dos dois mandatos de Fernando Henrique Cardoso, as verbas destinadas à UNE somaram R$ 1,3 milhão. É uma quantia desprezível se comparada ao que foi arrecadado nos anos de bonança: entre 2003 e 2009, o apoio incondicional a Lula rendeu quase R$ 13 milhões. Não é pouca coisa. Mas parece dinheiro de troco diante dos R$ 57,5 milhões que o governo resolveu doar à UNE em 21 de junho de 2010.

Nessa data, ao chancelar a lei 12.260, Lula “reconheceu a responsabilidade do Estado pela destruição, no ano de 1964, da sede da UNE, localizada na Praia do Flamengo, número 132, no Rio de Janeiro, e, em razão desse reconhecimento, decide indenizá-la”. A bolada que animou o reveillon dos pelegos sub-30 quitou a primeira parcela da indenização. Faltam R$ 14,6 milhões, que Dilma Rousseff prometeu liberar até o fim do ano com o envio ao Congresso de uma Medida Provisória.

A direção da UNE jura que investirá R$ 40 milhões na construção do prédio de 13 andares projetado por Oscar Niemeyer. Além da sede da entidade, o colosso abrigaria um teatro, um memorial e a sede da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes). Só Deus e os jovens milionários sabem o que será feito do resto.

O que esperam os estudantes com mais de 10 neurônios no cérebro para sepultar de vez a velharia envilecida e criar uma entidade que saiba representá-los efetivamente? Se a UNE não tivesse perdido a vergonha, se os comerciantes de carteirinhas que controlam a sigla não estivessem lá para servir ao PCdoB, Fernando Haddad estaria desempregado há muito tempo. Tranquilizado pelo silêncio dos cúmplices e pela mudez das vítimas, continua liberado para completar a desmontagem do sistema de avaliação do ensino.

Convocado há dias para prestar contas a Dilma, Haddad chegou ao Planalto com cara de aviso prévio e saiu com pose de ministro vitalício. Decidiu adiar as férias ─ para resolver problemas criados por outros. E revelou que durante a conversa a presidente pediu ao pior ministro da classe que melhore o desempenho do MEC. É como pedir ao mais bisonho zagueiro do Jabaquara que jogue como Pelé.

RODAPÉ - Mais didático que isso, só mesmo quando Dilma desencorporar de Lula e receber uma sonora negativa de Augusto Nunes diante do convite para assumir o MEC:
- Fiz voto de pobreza, sou jornalista.

Sanatório da Notícia


Candidatos Tiriricas
Matéria do blog Sanatório da Notícia

Sandro Mabel (PR-GO) lançou na manhã desta terça, 25, a sua candidatura à presidência da Câmara, inviabilizando a estratégia do governo de garantir o petista gaúcho Marco Maia como candidato único ao comando da Casa dos não-comuns republicanos.

Mabel é aquele que chorou ao dizer que não abiscoitava nada do esquema mensalão e jurou de pés juntos que não tentou comprar por R$ 30 mil dinheiros mensais, nem por bolacha nenhuma desse mundo, o passe da deputada tucana Raquel Teixeira para as hostes do seu glorioso partido - o mesmo do Tiririca, o palhaço mais votado do Brasil.

Dizendo que pretende trabalhar pela "independência da Câmara" e de que é preciso haver debate sobre a sucessão, Mabel lança-se se apresenta sem o apoio sequer de seu partido. O PR está com a candidatura de Marco Maia e não abre.

O apoio da facção da República foi assumido num jantar organizado por Valdemar Costa Neto (PR), aquele que renunciou por causa do mensalão e que agora volta à Câmara na quota de Tiririca, a essas alturas já promovido de palhaço a humorista - que mais de um milhão é voto pra burro e respeito é bom e todo mundo gosta.

Intolerante, Sandro Mabel afirma que conta com o apoio de 130 parlamentares. Diz que não afronta não afronta o Palácio do Planalto e que sua candidatura não tem nada a ver com o fato de não ter garantia nenhuma do do governo de que seria mantido no cargo de relator da reforma tributária, sonho de uma noite de verão no Congresso, grande casa de tolerância nacional.

Diante disso tudo, os governistas, Marco Maia, mensaleiros, republicanos e o próprio palhaço estão todos tiriricas da vida.

Tiririca então, coitado, nem sabe o que faz. Só dá uma dica: pior do que tá, isso ainda fica.


RODAPÉ - Nem no PR, nem na Câmara e tampouco no Senado tem um palhaço mais votado que o Tiririca.

Poder?

Pela história do mundo não se tem notícia de que alguém tenha chegado ao poder sem perder a própria liberdade.

A face do Poder

Dá-me um ponto de apoio e moverei a terra.

E até hoje o mundo só respeita a força física de Arquimedes.

O homem anda à cata de alavancas para constituir o seu domínio.

Vale-se de tres ferramentas em forma de poder, o Executivo, o Legislativo e o Judiciário. Bastariam, se não lhes faltasse a necessidade de saber fazer e fazer saber. É quando surge o 4° Poder - a face aparente do governo invisível.
Não confunda lei com justiça - há juízes e legisladores; nem governo com poder: há governantes e jornalistas.

O 4° Poder

É o lado aparente do governo invisível. Um poder instituído que supera os poderes constituídos pelo exercício das tres falsas verdades da democracia: liberdade de credo, liberdade de pensamento e liberdade de expressão. Sua força é a sua própria fraqueza. Basta acreditar, deixar que pensem por ele e dizer o que os outros poderes mandam dizer.