ESTE NÃO É UM ESPAÇO PARA FAZER AMIGOS; É PARA INFLUENCIAR PESSOAS.



15 de mai de 2011

100% Negro
*Jandir Barreto, jornalista

Um jovem negro desfila garboso pelo calçadão da Andrade Neves vestindo uma camiseta onde se lia: 100% negro. Não seria isto uma manifestação racista?

Aquele tipo de camiseta está sendo muito vendida e, ao que parece, até agora ninguém foi acusado de promover o racismo. Mas dá pra imaginar o furor que iriam provocar camisetas que tivessem a seguinte mensagem: 100% branco.

O mais interessante ainda é que recentemente um deputado federal deixou de tomar posse em Brasília porque fora preso pelo comandante do avião, a quem chamara de negro.

No Brasil, racismo só é válido quando denunciado por negro, tal como no episódio envolvendo o deputado e o comandante do avião. Atualmente o homem negro está na moda.
Colaboram para isto os inúmeros conjuntos musicais integrados por negros, que inundam os programas de televisão e rádio. Também cresce o número de atletas negros no futebol e em outros esportes.

É só comparar as fotos das seleções brasileiras campeãs do mundo em 1958 e 1994 para perceber o crescente predomínio do jogador negro no futebol.
-------------------------------------------------------------
          Mas se o homem negro está na “moda”,
          o mesmo não se pode dizer da mulher negra
--------------------------------------------------------------
Mas se o homem negro está na moda, e é o gênero masculino destacado na frase, que poderia ser 100% raça negra, o mesmo não se pode dizer da mulher negra. Ela não teve a mesma projeção. Por todo o Brasil, inclusive aqui no sul, já se tornou comum casais de namorados, ele preto, ela branca.

O contrário é difícil de ser visto. Embora não seja uma regra geral, muitos artistas e futebolistas negros quando alcançam o sucesso, buscam parceiras de cor branca. Mais uma prova de que a mulher negra não está fazendo o mesmo sucesso.
                                                          

4 de mai de 2011


DODÓI NÃO É DESCULPA,
CADÊ OS POSTOS?!?
Tá bem, a primeira-presidenta Dilma tá dodói. Mas, rebelde contra as recomendações médicas, andou recebendo três ou quatro ministros esta semana. Nenhum deles deu qualquer sinal de que Dilma tenha começado a "inaugurar" algum posto de polícia comunitária dos 2.883 que prometeu em campanha e registrou no seu programa de governo. Como a média de implantação seria de 720 unidades por ano, ou 60 postos por mês, Dilma deixou de entregar nesses quatro meses de governo 240 postos de polícia comunitária. E olha que um dos ministros que estiveram com ela foi Zé Eduardo Cardozo, da Justiça. Ele foi lá e... falou de outras coisas.

GUERRA TÁTICA
Tite, o Indefectível, ainda não sabe como escalará o time do Corinthians na primeira partida da final contra o Santos. Do outro lado, Muricy Ramalho já mostrou contra o América mexicano como é que vai jogar. Ambos deveriam se aconselhar com Felipe Scolari. No fim do jogo, o árbitro seria o grande culpado.

PONTO DE INTERROGAÇÃOO ponto de interrogação é uma espécie de afronta. Muito mais sinal de dúvida do que de curiosidade, ele desdenha e invade os domínios do saber. Por isso, aqui neste Sanatório, no mais das vezes, ele será tratado com a companhia de uma exclamação e um repeteco interrogativo, à guisa de troco e implicância. Aqui, toda pergunta será sempre uma ironia. Sim!?! Ou não?!?

NOS ANOS-70
Não há quem chegue impunemente aos Anos-70 de sua vida. Perde para sempre avós, pai, mãe, filho, mulher, irmãos, amigos; perde as raízes de sua origem; perde a si mesmo. Nos seus Anos-70 o homem é uma saudade que anda.