ESTE NÃO É UM ESPAÇO PARA FAZER AMIGOS; É PARA INFLUENCIAR PESSOAS.



8 de jun de 2015

PARADA GAY
Neste domingo, mais uma Parada Gay em São Paulo. Ah, deixa pra lá. Foi só mais um desfile alegre, uma grande piada burlesca; um Carnaval fora de época. Como de hábito, não se levou a sério. Faltou paz, amor e dignidade. Já passou.

DUNGA 2 x 0
Taí ó, a seleção da CBF está invicta há nove jogos, desde que Dunga chegou para salvar o prestígio do futebol brasileiro abalado com a traulitada que levou na Copa das Copas. Já estamos de volta ao padrão Fifa. Neste domingo de outono, lá na Arena Palmeiras, sem Neymar em campo, a Seleção do Dunga meteu 2 a 0 no time reserva do México.

ALVÍSSARAS!
A imprensa esportiva está fazendo com o torcedor brasileiro o mesmo que a imprensa política faz com o eleitor desse país que já foi do futebol e do petróleo que era nosso. Vê a Seleção de Dunga ganhar do segundo time do México por 2 a 0 e abre manchete dizendo que "há vida inteligente na seleção sem Neymar". Bolas, eram os reservas do México. E ontem o futebol brasileiro nunca foi tão futebol brasileiro quanto foi o futebol brasileiro que jogou contra a Alemanha na Copa das Copas. Assim é o que faz a imprensa política. Solta foguetes e rojões por que a Câmara vai discutir a redução da maioridade penal, ou por que as mais recentes pedaladas da Dilma não são fiscais, são de bicicleta. Alvíssaras! Alvíssaras! @inda bem que surgiu a internet, raiz das redes sociais que resgatam a liberdade de credo, pensamento e expressão.

PT, JUDAS DO PT
Dilma Vana, pedalando ontem por Brasília e falando com uma repórter-ciclista do Estadão: "É injusto Levy virar Judas. É injusto e errado". Ai, meus badulaques! Ela está dizendo isso para o PT. É o próprio partido dela que está pedalando para ver o Lula de volta balançando a pança e comandando a massa. Quem escolheu Joaquim Levy foi ela e quem não gostou da escolha foi o Lula. O PT é o Judas do PT. Os brasileiros não têm nada com isso. O que a gente quer saber é o que ela vai alegar para vetar o fator previdenciário. Ou, quando é mesmo que ela vai começar a governar.

NO MESMO SACO
Zé Dirceu, sentindo-se desprezado e menosprezado confessou pesaroso: "Eu, o Lula e a Dilma estamos todos no mesmo saco". Ora, isso a gente já sabia. O que a gente não sabe é por que Dirceu está preso e Lula e Dilma ainda estão por aí, livres, leves, soltos. Pode ser por que Dirceu não passa de um reles sub-chefe. Fez papel de escada; serviu de bucha pro canhão. Só por isso.

CRIME NÃO TEM IDADE
Cretinos de sempre alegam que a redução da maioridade penal vai agravar as condições dentro do sistema carcerário brasileiro. Ah, então deixa assim mesmo como está. A criançada bandida agindo solta nas ruas, roubando, sequestrando, matando à vontade. Quem tem responsabilidade para votar ao 16 anos, tem crueldade bastante para puxar o gatilho. Crime não tem idade. E o Brasil não tem sequer um ministro da Justiça capaz de fazer o que o governo precisa fazer: garantir segurança pública à população.

VERBA INDENIZATÓRIA
Cada deputado, dentre outras tantas regalias e exageros republicanos, tem até R$ 45 mil mensais a título de "verba indenizatória" - a versão parlamentar do cartão corporativo do governo. Eles gastam isso à la grande, com qualquer bugiganga e qualquer desculpa tão esfarrapada quanto galhofeira. Essa farra custou aos brasileiros, de janeiro a maio, nada menos do que R$ 46 milhões. Nesse ritmo, a gandais, o bunga-bunga chega fácil aos R$ 150 milhões até o próximo Natal "extraordinário". E essa bandalheira, esse escárnio não tem sigla, nem ideologia. É puro fisiologismo.E, como sempre que posso eu digo, todos os deputados, bacantes de todos os partidos, só se sentem bem e aliviados quando satisfazem suas necessidades fisiológicas.